Páginas

quarta-feira, 21 de junho de 2017

Joesley usa o truque das 72 virgens no paraíso de novo e tem gente mais uma vez caindo na onda… por mrk

 https://lucianoayan.com

Joesley usa o truque das 72 virgens no paraíso de novo e tem gente mais uma vez caindo na onda…

por mrk
Um novo truque na praça visa jogar areia no olho da direita em relação a Joesley Batista. O truque é bem simples e mais uma vez tem a ver com a dinâmica da promessa para o futuro, bem como os líderes do terrorismo faziam para motivar homens bombas a se explodirem. Basicamente, diziam que a pessoa teria 72 virgens no paraíso. Como a promessa era posicionada em um futuro distante (exatamente porque não ia acontecer mesmo), as pessoas trocavam sua vida por esse futuro inventado por algum espertalhão.
Joesley e seus apoiadores conhecem bem essa dinâmica. Cientes de que a atitude de Joesley é feita unicamente para blindar os petistas - que lhe garantiram os R$ 8,1 bilhões de reais em financiamento do BNDES -, precisam dizer que "no futuro ele vai entregar provas para os petistas".
Para dar coerência à narrativa, andam dizendo que na Operação Bullish, Joesley prestou hoje um novo depoimento para a PF e "agora sim" entregará provas de que Lula e Dilma fizeram uso de recursos ilegais do BNDES. Essa promessa seria uma forma de anestesiar a direita em relação a uma possível validação do acordo de impunidade dos irmãos JBS no STF.
Anestesiados, muitos podem pensar: "bem, se ele vai entregar os petistas lá na frente, então não há problema em validar seu acordo de impunidade hoje no STF". Como resultado previsto, muitos podem cair na conversa e aceitarem a decisão do STF. Dias depois, se esquecerão da promessa de que "lá na frente, Lula e Dilma serão delatados".
É óbvio demais: quem recebeu R$ 8,1 bilhões do BNDES e espera que isso seja apenas o começo dos benefícios vindos da elite estatal, não irá abandonar o jogo tão fácil. Para isso, precisa proteger a elite de extrema-esquerda que se especializou no fornecimento desses favores. É ingenuidade infantil (ou má-fé) achar que Joesley abandonaria este tipo de benefício.
Só um fator completamente imprevisto faria com que ele realmente entregasse Lula e Dilma. Para que ele precisaria entregar Lula e Dilma se já lhe foi garantida a impunidade?
mrk | 21 de junho de 2017 às 21:57 | Tags: bolivarianismoextrema esquerdaJoesley Batistamarxismosocialismo | Categorias: Notas | URL: http://wp.me/pUgsw-lNN

Nenhum comentário:

Postar um comentário