Páginas

segunda-feira, 30 de abril de 2012

ESCRITOR SOLTA O VERBO EM LULA NO PROGRAMA DO JÔ Soares - TV UOL - Red...

Lula fala mau de sarney -1989 Lula defende Sarney em escandalo - 2009 Fo...

Bispo Edir Macedo ensinando como roubar os fiéis

Filha de Macedo Rindo da desgraça alheia

O Programa do Jô que foi Proibido

GAFE - LULA BRIGA AO VIVO COM JORNALISTA! [SBT]

É FÁCIL FICAR RICO SENDO POLÍTICO.

Se você fosse enganado, roubado daria outra chance ao ladrão? Não? Então qual a explicação para o governo PT ter uma aprovação de 64%?.
A Delta é a campeã do PAC. A CGU desde 2007 vem acusando irregularidades nas obras tocadas pela Delta. Nessa época o presidente era o Lula, e como ele mesmo dizia: DILMA É A MÃE DO PAC, ora ela como mãe do PAC teve 5 anos para verificar os contratos superfaturados e nada fez. Agora como presidente quer passar um pente fino nos contratos, mas ainda como presidente assinou 31 contratos milionários com a famigerada Delta , apesar de vários relatórios da CGU indicando superfaturamento, fraudes em licitações, pagamento de propinas, desvio de dinheiro público e adulteração de materiais em obras. Só no governo Dilma a empreiteira em questão recebeu quase R$ 1 bilhão. Agora querem jogar o mensalão como sendo do Cachoeira, e assim livrar o PT e seus assaltantes. E o povo aprova a tal faxina da Dilma, mas não se aprofunda no assunto, e mais uma vez Lula e Dilma sairão nos braços do povo, que por sinal é cego e surdo. Veja um exemplo claro de que o PT quer de todas as formas dominar o país como um todo. O Gustavo Fruet, um dos poucos político honesto foi convencido a mudar de partido (passou para o lado negro da força), é então candidato a prefeito de Curitiba, mas como vice um petista. Ora alguma coisa irá acontecer.  Irão arrumar alguma falcatrua para ele, e assim ser exonerado e o vice assumir? Ou simplesmente calar a boca de um político honesto que não é mais oposição? Em 10 anos de governo petista o desvio de dinheiro foi mais de    R$ 100 bilhões de Reais, ninguém foi preso, ninguém devolveu nada. Só aumentaram os impostos e contribuições para poderem roubar mais. Mas ai vem a questão, o povo gosta de ser enganado, ou as pesquisas são falsas para poderem manipular as eleições através dessas urnas eletrônicas?

MANIFESTO

Manifesto

Peço a cada destinatário para encaminhar este e-mail a um mínimo de vinte pessoas de sua lista de endereços e, por sua vez, pedir que cada um deles faça o mesmo.

Em três dias a maioria das pessoas no Brasil terá esta mensagem. Esta é uma idéia que realmente deve ser considerada e repassada para o Povo.

Lei de Reforma do Congresso de 2012 (emenda da Constituição do Brasil):

1. O congressista receberá salário somente durante o mandato. E não terá direito à aposentadoria diferenciada em decorrência do mandato.

2. O Congresso contribui para o INSS. Todo o fundo (passado, presente e futuro) atual no fundo de aposentadoria do Congresso passará para o
regime do INSS imediatamente. O Congressista participa dos benefícios dentro do regime do INSS exatamente como todos os outros brasileiros. O fundo de aposentadoria não pode ser usado para qualquer outra finalidade.

3. O congressista deve pagar para seu plano de aposentadoria, assim como todos os brasileiros.

4. O Congresso deixa de votar seu próprio aumento de salário, que será objeto de plebiscito.

5. O congressista perde seu seguro atual de saúde e participa do mesmo sistema de saúde como o povo brasileiro.

6. O congressista está sujeito às mesmas leis que o povo brasileiro..

7. Servir no Congresso é uma honra, não uma carreira. Parlamentares devem servir os seus termos (não mais de 2), depois ir para casa e procurar emprego. Ex-congressista não pode ser um lobista.

8. Todos os votos serão obrigatoriamente abertos, permitindo que os eleitores fiscalizem o real desempenho dos congressistas.

Se cada pessoa repassar esta mensagem para um mínimo de vinte pessoas, em três dias a maioria das pessoas no Brasil receberá esta mensagem.

A hora para esta emenda na Constituição é AGORA.

É ASSIM QUE VOCÊ PODE CONSERTAR O CONGRESSO. Se você concorda com o
exposto, REPASSE, se não, basta apagar.


ESCUDO DE MÍSSEIS


Londres estuda 'escudo de mísseis' e testa segurança para Olimpíadas

Atualizado em  30 de abril, 2012 - 08:58 (Brasília) 11:58 GMT
Exercício naval em janeiro de 2012
Em janeiro, autoridades fizeram exercício de segurança no rio Tâmisa, em Londres
A cidade de Londres fará uma série de testes de segurança nesta semana em preparação para os Jogos Olímpicos, que começam no final de julho.
As autoridades também anunciaram que estudam cinco locais para a instalação de mísseis terrestres, que serviriam de escudo para a cidade no caso de algum ataque aéreo.
O teste de segurança começará na quarta-feira e terá oito dias de duração. Durante o período, serão testados mecanismos de defesa na terra, na água e no ar.
"A maior parte do exercício será feita diante de todo o público, e eu espero que tenha o efeito secundário de reafirmar ao povo britânico que todo o possível está sendo feito para garantir a segurança dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos", disse o secretário de Defesa do governo britânico, Philip Hammond.
"O apoio aos Jogos Olímpicos é uma tarefa importante para as forças de segurança em 2012, e este exercício pretende forçar nossa equipe e nossos sistemas ao limite, para garantir que estejamos preparados para o desafio."
O Ministério da Defesa ressaltou que ainda não decidiu se instalará de fato os mísseis terrestres. No entanto, cinco localidades já foram anunciadas para abrigá-los: dois no leste, um no nordeste e um no sudeste de Londres.
No leste, os locais são o Lexington Building, na comunidade de Tower Hamlets, e a torre de Fred Wigg Tower, em Waltham Forest. No nordeste, o local escolhido é Barn Hill, na região de Epping Forest. Já no sudeste, os mísseis seriam instalados em Blackheath Common e Oxleas Wood.

'Alto nível político'

O comandante Nick Parker, que está participando da organização da segurança dos Jogos, disse que a decisão será tomada "no mais alto nível político" do país.
Segundo ele, o exercício, que começará nesta quarta-feira, será fundamental para que se possa decidir a questão.
O exercício envolverá manobras navais e aéreas em diversas partes não só de Londres, como também no litoral da Inglaterra.
O navio de guerra HMS Ocean, portando diversos helicópteros Royal Navy Lynx, será enviado para a região de Greenwich, no rio Tâmisa, no leste de Londres. A marinha também enviará o HMS Bulwark para os portos na baía de Weymouyth e Portland, no litoral sudoeste da Inglaterra, a 200 quilômetros da capital britânica.
Caças RAF Typhoon serão posicionados em Northolt, vizinhança no oeste de Londres. Já a região de Ilford, no leste da cidade, abrigará helicópteros RAF Puma.
BBC BRASIL

LIXO ELETRÔNICO

Crescimento do lixo eletrônico ameaça a saúde da população e o meio ambiente
Aumento significativo do lixo eletrônico (e-lixo) no Brasil vem preocupando os técnicos da Secretaria Estadual do Ambiente do Rio de Janeiro (SEA)
 
Os consumidores devem procurar empresas de reciclagem que comprem resíduos eletroeletrônicos e tenham como garantir a destinação correta desses materiais 
O resíduo desse tipo de materiais contém substâncias perigosas, que podem impactar o meio ambiente e ameaçar a saúde da população. A estimativa é que cada brasileiro descarta cerca de 0,50 quilo de resíduos de equipamentos eletroeletrônicos por ano.
O superintendente de Resíduos Sólidos da secretaria, Jorge Pinheiro, disse à Agência Brasil que em razão das substâncias perigosas contidas nesse tipo de aparelhos, é necessário organizar uma logística reversa no estado que acompanhe as discussões dos acordos setoriais, previstos na Lei 12.305/10, que instituiu a Política Nacional de Resíduos Sólidos. Caberá ao grupo de trabalho técnico, constituído em Brasília, definir o acordo setorial, que dará as diretrizes para implementação da logística reversa dos eletroeletrônicos, disse.

Pinheiro avaliou que às vésperas da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20, programada para junho próximo, no Rio de Janeiro, a adequação dos empreendimentos à nova lei de resíduos sólidos será de vital importância. Segundo ele, para que isso possa ocorrer de forma equilibrada e em conformidade legal, as novas práticas entre fornecedores e clientes precisarão ser adequadas, visando ao compartilhamento de responsabilidades.

“Atualmente, existem ações pontuais de fabricantes que coletam os resíduos de seus equipamentos, por exemplo, e empresas ou organizações não governamentais (ONGs) que coletam ou recebem equipamentos eletroeletrônicos, dando a destinação final”, declarou.

É o caso, de acordo com Pinheiro, da Fábrica Verde, projeto da SEA, que recebe doações de computadores e periféricos para reutilização, capacitando jovens do Complexo do Alemão, na Penha, bairro da zona norte da cidade, para a atividade de manutenção e montagem de computadores.

Os novos aparelhos montados são destinados a entidades sem fins lucrativos e órgãos públicos instalados nas comunidades, declarou o superintendente. Ele ressaltou que novas empresas de remanufatura de resíduos eletroeletrônicos estão entre os negócios promissores para o cumprimento da Política Nacional de Resíduos Sólidos.

O superintendente observou, por outro lado, que os equipamentos descartados têm valor econômico, pois contém materiais valiosos e raros. O seu descarte correto é importante porque muitos elementos apresentam elevado teor de toxicidade, e também pelo fato de que, de acordo com o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (Pnuma), o mundo produz entre 20 a 50 milhões de toneladas métricas de lixo tecnológico todos os anos.

Na fabricação de computadores e celulares, por exemplo, são usados vários metais, entre os quais ouro, prata, gálio, índio, chumbo, cádmio e mercúrio. Alguns, como o cádmio, são agentes cancerígenos. Outros, como o chumbo, prejudicam o cérebro e o sistema nervoso, lembrou Pinheiro.

Nas duas campanhas de esclarecimento e conscientização dos consumidores para o descarte correto do lixo eletrônico, promovidas pela secretaria, foram coletadas quase 12 toneladas de resíduos eletroeletrônicos, “sem contar os computadores que são reaproveitados na Fábrica Verde,no Complexo do Alemão”.

Pinheiro ressaltou que a cadeia de reciclagem ainda não se acha estruturada para o fluxo desses resíduos e reforçou a necessidade de participação do setor produtivo para a viabilidade da logística reversa.

Segundo o superintendente da SEA, mesmo antes das definições dos acordos setoriais previstos no decreto de regulamentação da Política Nacional de Resíduos Sólidos, a secretaria já vem trabalhando a questão de valorização dos resíduos dentro do Plano Estadual de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos Urbanos (RSU), que está em elaboração.

Em relação aos cuidados que a população deve ter em relação a esses materiais, o superintendente recomendou que devem procurar empresas de reciclagem que comprem resíduos eletroeletrônicos e tenham como garantir a destinação correta desses materiais. Outra alternativa, disse, “é guardar em casa até a montagem de uma logística reversa ou entrar em contato com o fabricante do produto e saber se ele tem uma solução”.
Os consumidores devem procurar empresas de reciclagem que comprem resíduos eletroeletrônicos e tenham como garantir a destinação correta desses materiais.

Fonte: Agência Brasil
Autor: Redação
Revisão e Edição: de responsabilidade da fonte
CONSUMIDOR RS

FAÇA O TESTE

Teste Simples de Alzheimer
Complete rapidamente as palavras:

_ARALHO
V_ADO
_ _ CETA
_ERDA
POR_A
F_DA
_O_OTA



Pronto? Sem roubar, hein!!!
Confira as respostas:
 
BARALHO
VOADO
FACETA
PERDA
PORTA
FADA
LOROTA


Pensou outra coisa?
Relaxe, você não tem Alzheimer.
Só a mente suja mesmo!!!
 

sexta-feira, 27 de abril de 2012

VAMOS ACABAR COM A ESCRAVIDÃO.

Caros amigos do Brasil, 


Em poucos dias, o Congresso pode votar uma histórica reforma constitucional que pode punir pessoas que mantenham escravos e confiscar terras onde forem encontradas pessoas escravizadas para reforma agrária. Agora é hora de agir, e garantir que o Brasil se ergua enquanto um país livre de escravos. Assine a petição abaixo e a Avaaz irá entregá-la para o Presidente da Câmara dos Deputados: 

Assine a petição
Em poucos dias, o Congresso pode votar uma histórica reforma constitucional que pode punir pessoas que mantenham escravos e confiscar terras onde forem encontradas pessoas escravizadas para reforma agrária. É a legislação mais forte que já propuseram para lutar contra o flagelo do trabalho escravo no Brasil. 

É inaceitável que, no século 21, o horror da escravidão ainda assombra todos os cantos do país -- à medida que centenas de milhares pessoas são escravizadas atualmente. No mês passado, adultos e crianças foram resgatados de uma fazenda cujo proprietário era um deputado estadual! Eles moravam em pequenas barracas e bebiam da mesma água suja que as vacas e outros animais

Agora é hora de agir. Nosso protesto em todo o país pode forçar o Congresso a fazer os donos de fazenda pagarem o preço por torturarem ou escravizarem seus concidadãos. Clique abaixo para se juntar e construir um protesto ensurdecedor antes da Avaaz se reunir pessoalmente com o Presidente da Câmara dos Deputados, Marco Maia, para entregar nossa mensagem: 

http://www.avaaz.org/po/stop_slavery_in_brazil/?vl 

Os livros escolares nos ensinam que a escravidão foi abolida há 124 anos pela princesa Isabel, mas a verdade é que ainda hoje há pessoas que vivem na escravidão -- os mais pobres de nós são levados a acreditar em empregos prósperos, mas acabam arriscando suas vidas em plantações de cana-de-açúcar, carvoarias, criação de gado, prostituição e outras atividades. Muitas vezes eles são literalmente forçados a trabalhar com uma arma apontada para suas cabeças. 

Uma chave para acabar com a escravidão está prestes a ser entregue ao Congresso. Vamos abafar o lobby dos ruralistas, que querem acabar com essa PEC, e aumentar o coro retumbante para derrotar o vergonhoso mercado da escravidão do Brasil de uma vez por todas. Assine a petição e encaminhe para todos: 

http://www.avaaz.org/po/stop_slavery_in_brazil/?vl 

Cada vez mais, vemos que o poder popular pode fazer o impossível. A escravidão é uma crise que afeta todo o planeta e temos uma chance de encabeçar a abolição. O Congresso deu o primeiro passo, agora podemos ajudar a alcançar um Brasil livre de escravos. 

Com esperança, 

Pedro, Emma, Diego, Laura, Carol, Ricken e toda a equipe da Avaaz 


Mais informações: 

Governo quer votar PEC do Trabalho Escravo até 13 de maio (Rede Brasil Atual)
http://www.redebrasilatual.com.br/temas/politica/2012/03/governo-quer-votar-pec-do-trabalho-escravo-ate-13-de-maio 

Governo pede agilidade na votação de projeto sobre trabalho escravo (Folha de São Paulo)
http://www1.folha.uol.com.br/poder/1061665-governo-pede-agilidade-na-votacao-de-projeto-sobre-trabalho-escravo.shtml 

Crianças bebiam água do gado em fazenda de deputado flagrada com escravos (Repórter Brasil)
http://www.reporterbrasil.org.br/exibe.php?id=2040 

Comissão: 40 mil foram resgatados da escravidão no Brasil desde 1995 (Terra)
http://noticias.terra.com.br/brasil/noticias/0,,OI5718577-EI306,00-Comissao+mil+foram+resgatados+da+escravidao+no+Brasil+desde.html 

PEC do trabalho escravo é prioridade para governo (Congresso em Foco)
http://congressoemfoco.uol.com.br/noticias/reportagens-especiais/pec-do-trabalho-escravo-e-prioridade-para-governo/ 

Debate da PEC 438/2001 contra o Trabalho Escravo (e-Democracia)
http://edemocracia.camara.gov.br/web/contra-o-trabalho-escravo/inicio 


Apoie a comunidade da Avaaz!
Nós somos totalmente sustentados por doações de indivíduos, não aceitamos financiamento de governos ou empresas. Nossa equipe dedicada garante que até as menores doações sejam bem aproveitadas:Dona Agora

É!!!

///////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////
O casamento de um velhote (+ de 80) com uma rapariga de 20, 
foi o motivo de todas as conversas na cidade.....

Um ano depois do casamento, o casal apresenta-se no hospital para 
o nascimento do seu primeiro filho.
A parteira sai da sala de partos para felicitar o velhote e diz-lhe:

- É espantoso!....Como é que o Sr. consegue... na sua idade?...
O velho sorri e diz : - Tem de se manter o motor a trabalhar....

No ano seguinte, o casal aparece de novo no hospital para o nascimento 
do segundo filho. A mesma enfermeira acompanha o parto e sai para 
felicitar o nosso velhote, dizendo-lhe:


- O Senhor é mesmo incrível!.... Como é que consegue?...

O velho sorri e diz : - Tem de se manter o motor a trabalhar....

Mais um ano e o casal aparece no mesmo hospital, para o nascimento do 
terceiro filho. A mesma enfermeira acompanha uma vez mais o parto e, após 
o nascimento, vai de novo ter com o velhote, sorri-lhe e diz:


- Mas o Sr. é mesmo incrível!!... Como é que conseguiu desta vês?....

O velho sorri e diz:- É como já lhe disse....tem de se manter o motor a trabalhar....

A enfermeira continua a sorrir.....dá-lhe uma pancadinha nas costas e diz-lhe : 
- Mas então é bom trocar o óleo.....este já saiu preto!....
 
///////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////
 

GREENPEACE



Dear friends,

Following years of intense pressure from the agribusiness sector, Brazil's parliament approved sweeping changes to the country's forest protection law yesterday that spell destruction for the Amazon rainforest.

President Dilma has two weeks now to veto this hatchet job before it becomes the law. All eyes are on her now.

Please write to President Dilma here and forward this email to your friends and family to get involved too.

The changes to the Forest Code voted on Wednesday evening severely weaken protections for the Amazon rainforest and open up vast areas to destruction, which would contribute to carbon emissions and climate change. It leaves forest communities and Amazon wildlife even more at risk from the very interests which have already destroyed 18 percent of the Amazon rainforest.

Click here and tell Dilma: save the Amazon, veto the new Forest Code

Counting on you,

Tatiana de Carvalho
Campanha Amazônia / Amazon Campaigner
Greenpeace
P.S. You can read more about the forest code in our blog. And if you have written to President Dilma already about this (thank you!), please spread the word now with this email, or by sharing the links on Facebook, Twitter and Google+.

Interested in volunteering?
Donate
Greenpeace International

Did somebody forward this message to you? Then Sign Up Here for emails from Greenpeace

ISTO É MUITO IMPORTANTE.

Demonstre sua indignação.
 
Olá 
Com alto número de acessos à petição do Desmatamento Zero, nosso site ficou temporariamente fora do ar. Queremos nos desculpar pelo inconveniente e voltar a pedir sua ajuda na divulgação desta campanha de proteção às florestas.
Hoje o dia vai ser longo e triste. A Câmara dos Deputados votou nesta semana o novo projeto que desfigura o Código Florestal, o conjunto de leis que protege as florestas. Essa nova versão anistia todas as pessoas que desmataram no passado e permite mais desmatamentos.
Desde o início, o setor ruralista no Congresso foi o principal responsável por essa retaliação nas leis de proteção às florestas.
A melhor maneira de você mostrar sua indignação a essa reforma do código é nos ajudar a conseguir 1,4 milhão de assinaturas pelo Desmatamento Zero.
Divulgue a Campanha
Compartilhando com amigos, você ajuda a proteger a Amazônia e manda um recado claro para os Congressistas: que você não concorda com essa mudança no Código
Florestal. As florestas brasileiras precisam de você, participe!
Até mais.
 
Tatiana de CarvalhoObrigada,
Tatiana de Carvalho
Coordenadora da Campanha da Amazônia
Greenpeace
Ajude o Greenpeace a proteger o planeta
Recebeu este e-mail de alguém?
» Encaminhe esse e-mail para um(a) amigo(a)
 Junte-se a nós

quinta-feira, 26 de abril de 2012

RÁDIO CBN

Desemprego sobe para 6,2% em março, segundo IBGE

É a maior taxa de desemprego desde junho de 2011. Percentual foi estimado em 6,2%, registrando alta de 0,5 frente a fevereiro de 2012. População desocupada cresceu 8,8%. País tem 1,5 milhão de pessoas sem trabalho.
Ouça a reportagem

KKKKKKKKK

> O cara chega com sua amante a um motel e lá encontra o carro de seu
> sogro estacionado. Indignado com a leviandade do sogro resolveu
> aplicar-lhe uma lição.
> Rouba o som de seu carro e ainda faz alguns riscos na lataria.
> No dia seguinte vai visitar o sogro, que se mostra muito enraivecido.
> - Está triste, sogro? Aconteceu alguma coisa? Porque está tão brabo?
> Ao que o sogro esclarece:
> Como não vou estar brabo, se emprestei meu carro para a descuidada de
> sua mulher ir à igreja e lhe roubaram o radio e ainda riscaram a
> lataria!???

ESSE É O RESULTADO DA IDOLATRIA DOS BRASILEIROS POR CERTOS POLÍTICOS.

Demonstre sua indignação.
 
Olá Cid Marcos,
Hoje o dia vai ser longo e triste. A Câmara dos Deputados votou ontem o novo projeto que desfigura o Código Florestal, o conjunto de leis que protege as florestas. Essa nova versão anistia todas as pessoas que desmataram no passado e permite mais desmatamentos.
Desde o início, o setor ruralista no Congresso foi o principal responsável por essa retaliação nas leis de proteção às florestas.
A melhor maneira de você mostrar sua indignação a essa reforma do código é nos ajudar a conseguir 1,4 milhão de assinaturas pelo Desmatamento Zero.
Divulgue a Campanha
Compartilhando com amigos, você ajuda a proteger a Amazônia e manda um recado claro para os Congressistas: que você não concorda com essa mudança no Código
Florestal. As florestas brasileiras precisam de você, participe!
Até mais,
 
Tatiana de CarvalhoObrigada,
Tatiana de Carvalho
Coordenadora da Campanha da Amazônia
Greenpeace
Ajude o Greenpeace a proteger o planeta
Recebeu este e-mail de alguém?
» Encaminhe esse e-mail para um(a) amigo(a)
 Junte-se a nós

OS POLÍTICOS IRÃO ACABAR COM O BRASIL.

Para ONGs, Brasil perde liderança ambiental ao mudar Código Florestal

Atualizado em  26 de abril, 2012 - 15:43 (Brasília) 18:43 GMT
Floresta amazônica
Anistia a desmatamento do passado é uma das questões mais polêmicas do Congresso
Organizações ambientalistas internacionais afirmam que o Brasil pode estar perdendo a liderança no movimento ecológico global, depois que a Câmara dos Deputados aprovou na quarta-feira um novo texto que altera o Código Florestal brasileiro.
Em entrevista à BBC Brasil, representantes da WWF e do Greenpeace em Londres disseram que o Brasil sempre foi visto como um dos países mais ativos na promoção de ideias ambientais em fóruns internacionais, como as reuniões sobre mudanças climáticas da ONU. Mas, a aprovação do texto do deputado Paulo Piau (PMDB-MG) pode provocar uma mudança nessa percepção.
O texto ainda precisa ser apreciado pela presidente Dilma Rousseff, que pode vetá-lo na íntegra ou parcialmente. Neste caso, a proposta volta para o Congresso, que pode fazer alterações ou derrubar o veto.

'Choque'

Entre os pontos mais polêmicos do parecer de Piau está a questão da anistia a produtores que desmataram florestas nas proximidades de rios.
O texto afeta os proprietários de terra que desmataram os 30 metros das Áreas de Preservação Permanente (APPs) nas margens de rios de até 10 metros de largura, segundo as normas estabelecidas em 1989. Eles ficam liberados da obrigação de recuperar totalmente a área degradada. De acordo com o texto aprovado por 274 votos a 189, os proprietários que infringiram tais regras terão de replantar apenas 15 metros.
"É um choque estarem alterando o Código Florestal que protege a floresta amazônica. Com a proximidade da Rio+20, isso bota muita pressão sobre a presidente Dilma Rousseff. Será muito difícil para ela se apresentar como defensora do ambiente", disse à BBC Brasil Sarah Shoraka, ativista especialista em florestas do Greenpeace do Reino Unido.
"Durante a campanha ela [Dilma Rousseff] havia dito que não apoiaria nenhuma legislação que aumentasse o desmatamento e que desse anistia a criminosos, mas a proposta atual faz exatamente essas duas coisas. Agora é tudo uma questão da credibilidade dela, e o quanto ela está disposta a mudar", disse.
"Agora é tudo uma questão da credibilidade dela [Dilma], e o quanto ela está disposta a muda."
Sarah Shoraka, do Greenpeace em Londres
Para a diretora de Florestas da WWF no Reino Unido, Sandra Charity, a comunidade internacional está "perplexa" com a votação da quarta-feira no Congresso brasileiro.
"O Brasil tem uma trajetória de país moderno, que sempre esteve na liderança dos compromissos ambientais tendo em vista a sua posição na Conferência de Mudanças Climáticas de Copenhague [2009]. O país sempre esteve na frente e puxando os outros países. A aprovação deste texto é um retrocesso", disse ela.
A representante da WWF ressalvou que o texto foi aprovado no Congresso, e não pela Presidência, mas que mesmo assim a medida tende a respingar na imagem do governo e do país como um todo.

'Legado de Lula'

Tanto a WWF e o Greenpeace dizem que o governo de Dilma Rousseff parece estar menos comprometido com ideias ambientalistas do que o do ex-presidente Lula.
"Nós estávamos acostumados com um Brasil que era líder no front ambiental. O ex-presidente Lula anunciou metas ambiciosas de redução de CO2 na em Copenhague", disse Shoraka.
"Existe um descompasso entre o que a sociedade como um todo está esperando e pedindo e o que os dirigentes que fazem as leis estão decidindo."
Sandra Charity, da WWF em Londres
Questionada se Dilma é menos preocupada com o ambiente do que Lula, afirmou: "Esta começando a dar essa impressão. O Código Florestal é o primeiro teste, mas se você olhar para outras tendências, como a aprovação de grandes hidrelétricas ou estradas sem os estudos de impacto ambiental corretos. É possível notar um padrão de valores ambientais se degradando no Brasil. Internacionalmente as pessoas estão de olho na Dilma agora. É o momento para ela provar que vai levar adiante o legado de Lula."
Durante as discussões do Código Florestal, Dilma deu indicações de que vai vetar os pontos mais polêmicos da nova legislação, como a chamada "anistia" ao desmatamento às margens dos rios.
As duas entidades acreditam que a votação não reflete necessariamente uma derrota do movimento ambientalista no Brasil. Para a WWF e o Greenpeace, a aprovação do texto é mais um reflexo de que o Congresso não estaria acompanhando a opinião pública.
"Vai pegar muito mal nessas grandes conferências internacionais que o Congresso brasileiro acaba de aprovar uma lei que é quase mais permissiva do que o primeiro Código Brasileiro, de 1934", disse Charity.
VOCÊ CONCORDA COM ISSO? CONCORDA COM A ROUBALHEIRA? ENTÃO PORQUÊ VOTA NOS POLÍTICOS QUE AÍ ESTÃO?

Leia mais sobre esse assunto